quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Encontrado

A vida inteira você o procurou
E desde muito tempo espera o que todos esperam
Você cresceu ouvindo que o final é a melhor hora de todas
E fica ansioso para que chegue o seu "final feliz"

Ora, não era isso o que você sempre quis?
...
Enxergando onde nada é passível de ser enxergado
De tanto errar você fica cansado... decepcionado
Disseram que era bom, então porque te faz sofrer?
Só não te disseram uma coisa... talvez essa história não seja pra você

Passa o tempo... e você realmente enxerga o que todos já enxergavam
Você tentava se encaixar num lugar que não te pertencia
Você acreditava que, sangrando, a dor ainda não doía
Vivia deixado de lado... e achava que estava tudo bem

Não. Não estava tudo bem.
...
Tempos depois, você volta a ser sua única companhia
E olha, que maravilha, que belo dia
Você está sozinho outra vez...
Livre, leve, solto
Não acreditando em mais nada e em mais ninguém

De repente chega alguém e te pega pelo braço
É aí que você se encontra
É aí que você se dá conta
De que, de modo inesperado,
Você encontrou alguém a quem sempre havia procurado

Você aprende a amar e ama ser amado
Pela pessoa que é a sua paz e a sua tormenta
E que te faz bem...
Te faz se sentir livre, leve, solto
Dentro de um abraço
Abraço do qual você não quer sair... nunca mais