sexta-feira, 15 de abril de 2011

Rotina

Complico as coisas mais simples,
faço tempestade em copo d'água
sempre fui dos rabiscos,
dos chuviscos

da ausência de cores
e de sensações;

acho que é só tédio,
mais tédio,
vezes tédio
Mas até gosto da rotina,
ora mulher, ainda menina
fingindo que não é comigo (pudera!)
eu sou daquela que pondera,

se apodera e joga fora
sem consentimento
porque não vale mais o tempo
e vai dormir serena
de alma pequena
no final da noite
já começo de dia
- mais monotonia
e provavelmente,
consequentemente,
com medo de mudar.

Nenhum comentário: