sábado, 25 de setembro de 2010

O que convém

Eu tenho opiniões que não importam ou que, pelo menos,
incomodam ao resvalarem nos ouvintes.
Palavras minhas parecem doença de tanto que evitam.
Quanta prevenção!
Chego a crer que sinceridade não convém.
Seja como for, ainda prefiro parecer rude do que desfilar por aí

destilando falsidades.

Nenhum comentário: