segunda-feira, 26 de abril de 2010

Tolice

Fiquei perdida tentando me encontrar na esquina, na cozinha, no sótão e no porão. Na esquina dei de cara com meus dilemas, fugi pra cozinha: guloseimas espalhadas por todo canto, mas eu não queria sentir nada, não queria degustar nada que fosse doce... no sótão, encontrei sanidade... tudo o que não convinha no momento, eu só queria um momento insano. Encontrei então, descendo as escadas, um canto só pra mim, no porão. Livrei-me - em partes - da sanidade, das guloseimas e, reavendo meus dilemas - com a pouca sanidade que ainda me perseguia - tentei pensar neles... ou melhor, achar algum fim para eles... pois a razão muitas vezes nos atrapalha... mas nem pude, tolice minha, são dilemas! disse a mim mesma enquanto alguém batia à porta.

Nenhum comentário: